Como administrar um restaurante: 7 dicas infalíveis

Sumário

Saber como administrar um restaurante é fundamental para alcançar o coração dos clientes e solidificar seu espaço no mercado. Essa base é o que proporciona inovação, crescimento e, ao fim de tudo, lucratividade.

E para ajudar o seu negócio nessa caminhada, preparamos sete dicas que garantem uma boa administração de restaurantes. Confira como gerenciar as principais áreas do seu estabelecimento!

Confira o que você verá nesse post:

Otimizar a operação e a produção
Fazer uma boa gestão de pessoas
Utilize a tecnologia ao seu favor
Estude seus concorrentes
Avalie os seus fornecedores
Proporcione um atendimento excepcional
Saiba como (e onde) divulgar o seu restaurante

7 dicas de como administrar um restaurante

A administração de restaurantes pode ser um grande desafio. Gerenciar tantas áreas, rotinas, atividades e processos – e ainda prestar um bom atendimento aos clientes – não é tarefa fácil.

Outro fator que aumenta essa dificuldade é a especificidade de cada restaurante. 

Dependendo da forma de atuação, público-alvo, tipos de pratos servidos e até mesmo a localidade, pode também existir uma grande variedade de atividades e cuidados relacionados.

Por isso, aqui você encontrará dicas gerais que podem ajudar a grande maioria dos estabelecimentos

Elas são voltadas para a gestão de restaurante nos aspectos financeiros e administrativos; na gestão da equipe, na eficiência da operação, no atendimento aos clientes, entre outros. Confira!

1) Otimizar a operação e a produção

É importante ter atenção mesmo com o que parece básico e óbvio. Ou seja: sempre mantenha a sua operação o mais eficiente e ágil possível. Assim você evita desperdícios, melhora o atendimento e maximiza os lucros.

Para isso, realize treinamentos constantes com toda a equipe. Isso permite que as pessoas tirem dúvidas, pratiquem cenários e assimilem as práticas, processos e ferramentas usadas no dia a dia.

O mesmo deve acontecer sempre que uma nova pessoa entrar para o time, ou quando uma nova ferramenta/solução for introduzida na operação.

Outra dica de ouro para aperfeiçoar a operação do seu restaurante é utilizar as ferramentas certas. Mais adiante você descobre como a tecnologia pode ajudar a produção por completo, mas alguns itens essenciais são: PDV, ERP e KDS.

2) Fazer uma boa gestão de pessoas

Mas de nada adianta ter uma operação eficiente se as pessoas que a constroem não estão felizes. Na verdade, caso a sua equipe esteja insatisfeita, será quase impossível manter a operação e o atendimento em bons níveis de qualidade.

Por isso, é fundamental ter atenção com as pessoas que estão no dia a dia do seu restaurante. Isso engloba uma série de cuidados e estratégias que olham tanto para o lado profissional, quanto para o pessoal. Algumas boas práticas incluem:

  • Ter um plano de carreira definido para cada cargo que indique a progressão da pessoa em sua trajetória no estabelecimento;
  • Proporcionar treinamentos recorrentes para capacitar cada vez mais a equipe;
  • Oferecer benefícios que ajudem a cuidar do bem-estar das pessoas, como plano de saúde, auxílio refeição/alimentação, plano odontológico e remuneração compatível com o mercado.

3) Utilize a tecnologia ao seu favor

Nunca é demais ressaltar: a tecnologia é sua amiga. Com ela o seu estabelecimento ganha agilidade, eficiência, economia e lucratividade. E o melhor, sem aumentar muito o trabalho da sua equipe – pelo contrário, pode até reduzi-lo.

Pense assim: ao preparar um prato, um chef precisa dos melhores ingredientes, utensílios, eletrodomésticos e membros da equipe de preparo, certo? A mesma lógica precisa ser aplicada a todas as demais áreas do restaurante.

Por isso, não tenha medo de apostar na tecnologia. Teleatendimento, cardápios onlines, cardápios digitais, ferramentas de gestão de pedidos, de estoque e até mesmo de toda a vida financeira do estabelecimento são algumas das soluções mais úteis do mercado.

E para garantir que tudo funcione bem, de forma conectada e prática, é fundamental ter um sistema para restaurante. Com essa solução você pode gerenciar e automatizar diversas tarefas e processos com apenas um software.

4) Estude seus concorrentes

Não basta ficar de olho no seu restaurante, também é preciso saber o que acontece nos seus concorrentes. Assim você sabe como o seu estabelecimento se compara com relação aos outros e também pode conhecer novas práticas, ideias e tendências de mercado.

Procure ter um panorama do mercado de concorrentes da sua área como um todo e, melhor ainda, também uma análise de concorrentes diretos. 

Se você tem uma pizzaria, por exemplo, busque analisar de perto as promoções, divulgações, preços e até os sabores de outras pizzarias na região.

Por fim, lembre-se de manter esse acompanhamento de forma periódica.

5) Avalie os seus fornecedores

Outra dica de administração de restaurante que precisa ser feita periodicamente é a avaliação dos seus fornecedores.

Afinal, quando o seu restaurante alcança uma operação infalível, tudo isso será em vão se as matérias-primas usadas nas receitas não possuírem a mesma qualidade. O mesmo vale para fornecedores de serviços e soluções/ferramentas.

Com uma análise constante e profunda dos seus fornecedores, você garante a qualidade dos insumos e também se mantém atualizado com relação a preços e práticas. 

Além disso, manter uma relação próxima a eles agiliza a identificação de possibilidades de melhora e até a solução de eventuais problemas.

6) Proporcione um atendimento excepcional

Um cliente satisfeito volta sempre. Mais do que isso, ele divulga o seu restaurante para familiares, amigos e colegas. Ou seja, prestar um bom atendimento garante lucratividade e ainda expande a presença do seu estabelecimento no mercado.

Para colocar essa dica de gestão de restaurantes em prática, use uma somatória das dicas anteriores: utilize as melhores ferramentas, conte com os melhores insumos e otimize e agilize a sua operação ao máximo.

E claro: confira o nosso guia completo de treinamento de atendimento ao cliente para garantir que a sua equipe esteja preparada para receber a clientela.

7) Saiba como (e onde) divulgar o seu restaurante

Por fim, lembre-se daquela conhecida frase: a propaganda é a alma do negócio. Isso quer dizer que de nada adianta você possuir um restaurante impecável, totalmente preparado para atender bem seus clientes, se os clientes nem sabem que o restaurante existe.

Para evitar que isso aconteça, estude o seu público-alvo e, então, divulgue o seu estabelecimento nos espaços/locais que eles acessam/frequentam.

Por exemplo, se o seu público é mais jovem e conectado, divulgue o restaurante nas redes sociais. Já para um estabelecimento focado em clientes mais refinados, pode fazer mais sentido anunciar em revistas especializadas e mídias tradicionais, como TV e rádio.

O importante é saber com quem você quer se comunicar e como e em quais canais será essa comunicação.

Prontinho, agora você já sabe como administrar um restaurante com sucesso seguindo essas dicas! E para garantir que a gestão dos seus insumos seja sempre impecável, baixe gratuitamente a nossa planilha de controle de estoque!

Guilherme

Guilherme

Jornalista, redator e membro da equipe de marketing da EPOC.

Inscreva-se em nosso blog

Receba os melhores conteúdos para ajudar a alavancar seu negócio gastrônomico