Contratar equipe para restaurante: como acertar na seleção

Contratar equipe para restaurante

Sumário

Você sabe como contratar equipe para restaurante? Vários aspectos devem ser levados em consideração no momento de contratação dos profissionais para as diferentes atividades. Saiba mais!

Com todos os passos seguidos à risca para começar o seu empreendimento no ramo de gastronomia e entretenimento, agora é o momento crucial para o sucesso do seu negócio: contratar uma equipe eficiente para atender o público.

Antes de iniciar o processo de seleção, você precisa ter em mente que contratar pessoas qualificadas para seu restaurante não é fácil, mas é primordial para atingir as metas que foram colocadas no plano de negócio. Por isso, você precisa especificar muito bem o que você busca, as qualificações, a formação e o período que será realizado o trabalho. Desta forma irá atrair as pessoas que realmente se interessam pela vaga para construir uma carreira e que preencham os requisitos que você deseja.

Um problema muito recorrente neste ramo, é a dificuldade em encontrar a pessoa certa para cada atividade. Muitas vezes, por não conseguir encaixar perfeitamente estes funcionários nas suas funções, é que a rotatividade neste setor é muito grande, prejudicando o andamento do todo. Você pede experiência na hora da contratação, mas muitas vezes por falta de opção é obrigado a contratar alguém novato que necessita de treinamento. Isso gera demanda de tempo, demora em adaptação e atraso no ritmo de trabalho.

Veja algumas dicas de como contratar os profissionais certos para cada atividade em bares e restaurantes.

Leia também: Escala de trabalho para restaurante: 5 dicas para criar

Quais as funções específicas para um restaurante?


Os restaurantes já existem há muitos anos, com o tempo foram se profissionalizando, modernizando e neste ritmo de crescimento, as faculdades de gastronomia vieram ajudar muito neste segmento. A formação de profissionais em áreas específicas para trabalhar em empresas do ramo, cada vez mais faz parte dos requisitos nas seleções para ocupar as vagas abertas. Várias são as funções dentro de um restaurante, veja:


Chef de cozinha


Quando você decide ir a um restaurante, o que você procura em primeiro lugar? Comida boa e de qualidade, é claro! E para chegar ao nível de excelência que os clientes buscam e que você quer oferecer no seu estabelecimento, é preciso contratar um chefe de cozinha.

Em um restaurante mais refinado, o chef tem muito mais atribuições do que cozinhar, já que normalmente o estabelecimento possui uma variedade grande de pratos no cardápio, que exigem auxiliares para dar conta da variedade de pedidos. É preciso ter postura também para administrar toda a equipe, além de comandar a cozinha e cozinhar.

Dentro dessa equipe é necessário ter profissionais como picadores de temperos, o pessoal que lava a louça e os commins que ajudam os garçons a recolher os pratos das mesas e a deixá-las limpas para os próximos clientes.

É responsabilidade do chef também montar o cardápio, definir o prato do dia, buscar por novas receitas sempre deixando o menu atualizado e atrativo. Na hierarquia da cozinha, o chef está no topo. Por isso é tão importante definir qual o perfil de chef que você busca para o seu estabelecimento e se esforçar para contratar este profissional.


Auxiliar de cozinha


Este é o profissional que dá todo o suporte para o chef para que os pratos sejam preparados com muito profissionalismo e sabor. Esta é a pessoa que pica os temperos, fatia as carnes e demais ingredientes, descasca os legumes e deixa tudo preparado para que o responsável pela cozinha tenha o tempo necessário somente para pensar na criação e finalização de pratos.

O auxiliar é responsável ainda por limpar os espaços que são utilizados para lidar com os alimentos, evitando que os sabores se misturem, além de deixar todos os utensílios que são usados sempre limpos e à disposição.

Dependendo do tamanho do restaurante, cada um tem suas funções bem distintas mas precisam trabalhar em harmonia. O profissional que seu restaurante necessita para esta função, é o dedicado, que não se sinta incomodado ao ser coordenado, mas que com o tempo já faça o seu trabalho espontaneamente, com qualidade e de forma proativa.

Garçons ou atendentes


Independente da proporção e da natureza do restaurante, a presença de garçons ou atendentes é necessária e muito importante. Geralmente o primeiro contato do cliente com o seu espaço é através dessa pessoa. Por isso, um garçom precisa estar muito bem preparado, treinado e ter a cara e a alma do negócio.

Esse profissional deve trabalhar em total sintonia com a cozinha, porque é ele quem recebe o pedido, anota, leva para a cozinha, retira quando está pronto e entrega para o cliente.

Em casos de restaurantes Fast Food, é ele ou o atendente que providencia a comida e entrega para o cliente. Por fim, em ambas as experiências, esse profissional é o contato direto com o consumidor e essa primeira impressão vai fazer toda a diferença para o bom atendimento, da fidelização ou não do cliente.

Saiba mais: Como fazer um manual de atendimento ao cliente?

Buscar bons e eficientes profissionais, e evitar a rotatividade é o dilema dos empreendedores. Para facilitar essa procura, é que cada vez mais existem cursos técnicos e profissionalizantes, tanto para atendentes, como garçons ou auxiliares de cozinha, facilitando encontrar colaboradores com conhecimento teórico e prático para suprir as demandas.

Este conteúdo foi esclarecedor? Qual tema você acha pertinente que abordamos aqui? Deixe sua opinião nos comentários e continue acompanhando nosso blog para mais dicas.

Guilherme

Guilherme

Jornalista, redator e membro da equipe de marketing da EPOC.

Inscreva-se em nosso blog

Receba os melhores conteúdos para ajudar a alavancar seu negócio gastrônomico